The Real Dirt on Farmer John – O Filme

Mais um filme que aconselhamos, e muito.

The epic tale of a maverick Midwestern farmer. An outcast in his community, Farmer John bravely stands amidst a failing economy, vicious rumors, and violence. By melding the traditions of family farming with the power of art and free expression, this powerful story of transformation and renewal heralds a resurrection of farming in America.

Through highly personal interviews and 50 years of beautifully textured footage, filmmaker Taggart Siegel shares Farmer John’s haunting and humorous odyssey, capturing what it means to be wildly different in a rural community.

Sem duvida um filme que nos deixou a pensar muito, especialmente por tudo o que ele passa…

Trata-se basicamente de um Filme/Documentário no qual é reportada a historia do Agricultor John na sua luta contra a economia, contra o abandono das terras e até violência, bem como os rumores que são lançados sobre ele.

Fez-nos sobretudo pensar em como a Família é muito importante e como devemos aproveitar ao máximo enquanto eles cá estão. Se tiverem oportunidade é sem duvida um filme a ver.

E lembrem-se: Aprendam o máximo possível com os vossos pais, eles não estarão cá para sempre…

E o trailer:

Finalmente A Entrevista a Jules Dervaes

Este post, vai ser um pouco diferente dos habituais e por dois motivos:

  1. Vai ter um link para áudio
  2. Vai ser em simultâneo em Português e Inglês.

This post will be slightly diferent in two ways:

  1. Will have an audio file
  2. It will be simultaneously in Portuguese and English.

No dia 2011/06/01 tivemos a nossa primeira entrevista e foi com Jules Dervaes do UrbanHomstead.com, tivemos alguns percalços mas no final ficámos muito satisfeitos com esta nossa primeira experiência.

It was on the 2011/06/01 that we had our first interview with Jules Dervaes from UrbanHomstead.com, and although we had some minor problems, we loved the experience.

A ideia era, uma vez que fizemos a entrevista via Skype com vídeo conferencia, termos um video no Youtube da respectiva entrevista, mas como já referimos temos o vídeo, mas não temos o som, e se temos som, temos que agradecer à Jordanne Dervaes que gravou a entrevista, ufa 🙂

The idea was, since we made the interview using Skype with Video Conference, to have a Youtube video, but due to some problems with the recording software we only managed to get the video and not the audio. Luckily Jordanne Dervaes from UrbanHomstead.com also recorded the interview and provided us with the audio file.  Thank you once again Jordanne, you’ve saved the day 😉

Fiquem agora com a entrevista, que são aproximadamente 40 minutos, e deem uma olhadela aos diversos sites deles para irem vendo as fotografias e 10 anos de blog sobre a luta deles pela auto suficiência.

We leave you with the 40 minute interview and the links to some of their websites where they show 10 years of blogging reporting their journey towards self-sufficiency.

A Entrevista / The Interview

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Conclusão: A familia Dervaes é simplesmente fantástica, foi das conversas, apesar do nosso inglês, mais agradáveis que tivemos nos últimos tempos. Obrigado Jules, Jordanne, Anais e Justin Dervaes.

Conclusion: The Dervaes family is just fantastic, and although our English is not the best, it was one of the greatest talks we had recently. Thank you Jules, Jordanne, Anais and Justin Dervaes.

Food, Inc aka Comida, SA

O que vos podemos dizer para já além do clássico, nunca mais irão olhar para a comida da mesma maneira, é:

  • A comida em Portugal ainda não está assim tão mal como nós nos queixamos…
  • Cá ainda se podem guardar sementes do que plantamos, sem sermos processados…
  • Um Kg de Peras nos USA é mais caro do que quatro garrafas de litro e meio de Pepsi…
  • Sabiam que em certas partes dos USA é proibido por lei falar mal da carne que comem??

E isto são apenas 4 tópicos dos quais o filme fala bastante, já sem falar como as vacas, as galinhas e os porcos são criados.

Não queremos dizer com isto que vamos deixar de comer carne, simplesmente achamos que é um filme que merece a pena ver.

Por vezes quando nos queixamos que não comemos vegetais, a realidade é que em Portugal ainda vamos conseguindo comprar vegetais mais baratos do que um kg de carne, uma alface pode custar 1€, sim pode não ser das melhores, e até pode vir carregada de produto, mas ei, pelo menos temos possibilidade de a comprar…

Para combater o produto podemos sempre planta-las que é o nosso caso, e guardar sementes para mais tarde continuar a plantar. Claro que para podermos guardar sementes temos que comprar alfaces que não sejam modificadas geneticamente para serem estéreis. Na Índia, tem havido uma grande quantidade de suicídios entre os agricultores mais pobres devido a processos instaurados por empresas de sementes que as modificam não permitindo assim que se repliquem… estranho não é?

A pergunta é: Para onde estamos a caminhar???

Ficam alguns links:

E o trailer do Filme:

Enfim… pensem nisso que nós já estamos a fazer o mesmo…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...