Apanhámos uma valente Taça de Morangos

Até aqui tínhamos apanhado um máximo de dois a três morangos por dia o que não dava sequer para fazer uma mini taça de morangos. Mas eis que ontem pela primeira vez conseguimos apanhar o que se pode chamar de:

Uma valente taça de Morangos

Enquanto eu tratava do galinheiro

A Faneca apanhou estes morangos todos, e sabem tão bem, especialmente porque sabemos de onde veem e quem os plantou!  É nestas alturas que gostamos da vida do “campo”.

Numa nota à parte, temos que apanhar os coentros para os congelar antes que comecem a espigar e fiquemos sem eles.

O sensor de humidade para a SFG+Arduino

Para medirmos a humidade que vai na nossa horta e assim controlarmos a rega e afins (O sistema de rega), temos que ter um sensor de humidade, que liga ao arduino, infelizmente os sensores de humidade profissionais são coisas caras, por isso decidimos recorrer ao barato e “funcional”.

Fazer um sensor de humidade para medir a humidade da terra é coisa simples, basta para isso dois pedaços de metal, preferencialmente galvanizado, ligar ao arduino e pumba tamos a medir “humidade”. 🙂

Aqui fica o nosso:

As imagens são bastante explicativas, trata-se apenas de um pedaço de madeira com 14cm’s e com dois furos onde passam os pedaços de metal que através de um fio leva os dados para o arduino. Simples não?

De facto ainda não estamos muito satisfeitos porque tem um aspecto muito rude, estamos em estudo de um novo, mas para já este vai ter que servir 🙂

Apenas uma pequena explicação de como funciona o sensor de humidade:

Na realidade o que nós medimos não é humidade mas sim voltagem, que com a devida escala podemos saber o estado da horta. Os valores vão de 0 a 1023 em que 0 é desligado e 1023, é encostando os dois pedaços de metal um ao outro.

Ora sabendo isto é so fazer testes, como por exemplo:

  • Sensor dentro de um copo de agua –  ~900
  • Sensor encostado a um pano húmido – ~100
  • Sensor encostado a uma esponja humida – ~300
  • Sensor na SFG totalmente regada – ~700 ou ~800
  • Sensor na Bonsai a precisar de agua – ~200

Enfim, com estes valores já dá para ter uma ideia e não deixar a A nossa Bonsai… e os Os Morangos… passarem sede 😉

Morangos…

Foi a primeira coisa a ser plantada na nossa SFG (aka Horta)… e apesar de terem sido plantados a noite usando uma lanterna, hoje tal nao foi o meu espanto quando reparei que estao com optimo aspecto…. 🙂

Por isso usando a técnica que indica o manual e esta quantidade de terra (240lts):

os morangos estão agora com este aspecto:

Antes de os plantar, li muito, e irra, que ha muita informação sobre plantar morangos, mas todos dizem uma coisa em comun: Os morangos sao faceis de plantar, mas ter bons resultados ja é outra conversa….

Sei que devia ter posto uns sacos, por baixo porque uma das principais causas dos morango apodrecerem é quando tocam na terra, mas encontrei num outro lado, um truque que tenciono usar quando os morangos estiverem para aparecer, que é meter palha a volta dos pes, evitando assim que os frutos toquem na terra.

Também importante para este cultivo na técnica de SFG é não deixar os pes terem “filhos” ou seja cortar sempre os pés que apareçam que não seja os 4 pés iniciais que plantamos, evitando assim a excessiva propagação e ocupação de toda a caixa do SFG.

Apesar dos links apresentados nao funcionarem todos, mas grande parte da informação que consegui tirar, foi daqui:

Strawberries in Square Foot Gardens.

Agora tenho que realmente acabar o “Exota animais do SGF” powered by Arduino e colocar la um espantalho ou assim, porque os pássaros adoram morangos…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...