Estamos a Cultivar… Em Dublin…

balanco_dublinÉ um facto mais que sabido que nos mudamos para Dublin, por isso não vamos falar sobre isso.

Também é sabido que nunca perdemos a vontade de voltar a cultivar e ter os nosso próprios vegetais, pois bem, chegou a hora e nada como o inicio do Verão cá para começarmos esta aventura.

No fim de semana passado um colega da Faneca ofereceu-lhe batatas e cebolas prontas para cultivar, seguindo essa ideia fomos ate uma estufa aqui perto e compramos os seguintes pés:

  • 10 pés de Couve Flor
  • 9 pés de Brocolos
  • 2 pés de Tomate
  • 6 pés de Alface
  • 2 pés de Courgete
  • 1 pé de Pepino
  • 1 Vaso de Pendurar com 3 tipos de morangos, que segundo eles da morangos ate Outubro.

E com o que o colega da Faneca lhe deu que são:

  • 10 Batatas
  • 27 Cebolas

Se somarmos isto tudo vemos que temos o suficiente para encher uma SFG e mais qualquer coisita, no caso das batatas decidimos tentar novamente cultivar num balde.

Ora, com isto tudo tínhamos que construir uma nova SFG, e como o clima cá não da para todos os vegetais sem ser em estufa era importante procurar uma estufa que fosse em conta, porque como sabem gostamos sempre de fazer isto gastando o menos possível.

E conseguimos, descobrimos uma promoção no Aki cá do sítio (http://www.woodiesdiy.ie) de uma estufa e mandamos vir uma SFG já com a madeira tratada de outro site online.

Depois de uma manhã a tentar fugir a chuva conseguimos montar a SFG e a Estufa e o resultado final foi este:

final copyApesar de na foto já estar tudo plantado, no primeiro dia apenas montamos a SFG e a estufa, só plantamos no segundo dia quando fizemos os baldes também, aqueles cor de laranja ali ao lado.

Por isso durante esta semana fiquem por ai que vão sair mais posts e como já não fazemos um há muito tempo um pequeno vídeo nosso a montarmos tudo isto.

Já tínhamos saudades de sujar as mãos na terra e plantar. Esperamos que ainda por ai andem 😉

 

Outubro – Agricultura/Jardinagem

O que se deve fazer, tirado do famoso Borda d’Agua:

Iniciar a colheita da azeitona e combater a gafa. Semear cereais praganosos. Em, viveiro, semear as amendoeiras e os pessegueiros. Nos ligares mais secos e abrigados, plantar as oliveiras. No Minguante estercar as covas para as árvores a transplantar na Primavera. Plantar árvores de fruto e podar (corte diagonal) as árvores resistentes ao frio.

Na Horta resguardar do gelo e preparar canteiros para a sementeira de alfave e cebola. Semear em local definitivo agrião, cenoura, alhos e cebolinhas. Colocar em local definitivo as couves de Primavera e a alface de inverno; Colher a castanha. noz, avelã, abobora e melão de Inverno.

No Jardim, estrumar, semear lírios, narcisos, tulipas, ciclames, açucenas, jacintos junquilhos, anémonas. Colher as flores de Outono: dálias, rosas, etc.

As Fases da Lua e o Cultivo…

Foto por Pedro Moura Pinheiro

Já varias vezes falamos entre amigos sobre as fases da lua e o cultivo, porque uns dizem que deve ser no quarto minguante, outros no quarto crescente, outros dizem que não tem nada a ver… enfim, decidimos procurar um pouco nesta coisa da Internet e depois de ver algumas encontramos esta que vai de encontro que na realidade se trata de “sabedoria popular”. Mas como até agora a sabedoria popular nos tem ajudado bastante, vamos continuar a segui-la.

Aqui fica o que encontrámos em:

Pergunta

A Lua influencia o crescimento das plantas e tem influência nas colheitas?
Qual a melhor fase da Lua para: semear, colher, cortar árvores para madeira, enxertar, etc. Há algum livro que trate este assunto?

Resposta

A Lua pode ter influência no crescimento das plantas ao condicionar (pelo seu ciclo) o posicionamento da água do solo (mais à superfície ou mais em profundidade). Assim cada fase da lua é propícia para a realização de determinadas actividades culturais. No entanto, as provas científicas desta relação não são ainda perfeitamente convincentes e muita da infiormação disponível é baseada em “sabedoria popular”.
Assim, por exemplo, plantas cuja porção comestível esteja acima do solo (maioria dos vegetais) devem ser plantados entre a lua nova e a lua cheia. Durante a LUA NOVA devem plantar-se espécies que produzam sementes fora de frutos (ex: couves etc); esta fase corresponde a um período de crescimento radicular e pode ser indicado também para cortar a relva de modo a incrementar o seu crescimento. Durante o QUARTO CRESCENTE deve dar-se prioridade a plantas que tenham as sementes dentro de frutos (ex: tomate, pimento, melão e alguns frutos); esta fase corresponde a um intenso crescimento foliar e é também indicado para se efectuar um corte da relva do jardim.
Durante a lua cheia e a lua nova devem plantar-se aquelas espécies cuja parte comestível é a parte radicular (batatas, cenouras, cebolas etc). Assim durante a LUA CHEIA podem também plantar-se bolbos sendo sendo ainda um período indicado para efctuar transplantes, podas e colheita de frutos. O QUARTO MINGUANTE é caracterizado por ser uma fase de “descanso” onde o crescimento é reduzido. Assim é indicado para efectuar podas e colheitas e ainda para o arranque de ervas daninhas e a construção de pilhas de compostagem para adubo.
Diz ainda a tradição que não se deve plantar nos dias de LUA CHEIA e LUA NOVA

Para saber mais pode consultar os seguintes “sites” na “net”:
http://www.tc.co.nz/moon/
http://members.aol.com/compgeek35/planting.htm

Conclusão: Ao contrario do que pensávamos não é suposto fazer-se tudo no Crescente ou seja as outras fases da Lua também têm voto na matéria 😉

A SFG…em 2011/04/08

Pode-se dizer que para principiantes até nem nos estamos a safar nada mal…ora reparem bem só o aspecto daqueles morangos.

Desta vez em vez de fazer um Update de como estão os vegetais em posts separados vamos fazer tudo num só. É para ser mais prático 😉

  • Os Morangos:

Dos 20 pés de morangueiro que plantámos, só um deles é que nao tem nem flores nem morangos, mas ainda não perdemos a esperança que ainda dê qualquer coisa. Pensamos que seja falta de sol, porque os outros estão tão grandes que o tapam. Mas reparem bem neste morango que está logo no topo da horta, é o nosso primeiro morango “oficial”

  • As Alfaces:

Estão cada vez maiores e cada vez com mais falta de espaço, e como se pode ver estão demasiadas alfaces no mesmo espaço. Vamos aproveitar este fim de semana que já estamos em quarto crescente da lua, para os remover e deixar apenas 4 pés por cada quadrado, ou seja um total de 8 Alfaces. Os pés que sobrarem, se tivermos tempo são para colocar numa outra SFG que queríamos fazer, mas que também estamos dependentes da madeira que sobrar do Galinheiro.

  • Os Coentros:

Sim é isso mesmo, estão com falta de espaço, se calhar não devíamos ter colocado tantas sementes no espaço tão pequeno. Já começam a ter a forma de folha de coentros, por isso em breve já os poderemos usar nas nossas comidas. E para o ano nao plantaremos tantos, ou entao vamos deixar de usar estes pequenos quadrados que sobram na nossa SFG.

  • Os Tomates:

Aqui passa-se exactamente o mesmo que nas alfaces, temos pés a mais por cada quadrado e em breve teremos que os replantar, que em principio também será este fim de semana para aproveitarmos o quarto crescente. Temos tambem que depois de transplantados fazer a “armaçao” para que eles possam crescer para cima e não para os lados, já vimos muitas alternativas e estamos a escolher a que melhor se adequa a nossa SFG. Tal como nas alfaces gostávamos de aproveitar os pés que sobram para outra SFG, até porque tomate é coisa que se como muito nas saladas lá por casa e a Faneca gostava de fazer doce de tomate para armazenar 😉

  • Conclusão:

Como ja mencionamos no inicio do post até nao achamos que nos estejamos a safar assim tão mal, mas certamente há  coisas que queremos melhorar na proxima SFG, nomeadamente:

  1. Rega (mais saídas)
  2. Ser mesmo as medidas certas
  3. A protecção contra os animais, porque esta não da muito espaço em altura.
  4. Talvez outro tipo de solo ( usar mesmo a Mel’s Mixture que vem no livro)

Enfim.. é a nossa SFG e estamos muito orgulhosos dela.

Plantar batatas…em baldes…

Ontem metemos um post em que falávamos que em breve teríamos mais um projecto, esse projecto não é nada mais nada menos do que Plantar Batatas num Balde!

Ora bem, mas afinal o que é isto?

É simples, as batatas são tubérculos, certo? e os tubérculos nascem debaixo da terra, ora quanto mais fundo ele estiver mais batatas temos. É tão simples quanto isso 😉


Então o que é que precisamos?

  • Um ou mais baldes de 20 litros ou maior
  • Batatas, de preferência que não sejam do supermercado
  • Composto, se tiverem feito por vocês melhor
  • Barro partido, não vale partirem os vasos lá de casa 😉
  • Agua

Para já vamos reunir os materiais todos e fazer dois baldes. E depois mostramos como fizemos.

Entretanto podem ir vendo os seguintes links:

Este fim de semana se tivermos tempo é mais um assunto que queremos tratar 😉

O nosso Limoeiro e Laranjeira…

Este domingo quando fomos ao Mercado de Azeitão buscar as nossas meninas, tivemos mais uma vez uma excelente oferta do nosso patrocinador do costume, a Semenclasse, que se faz representar pelo Sogro/Pai 🙂

Era nem mais nem menos do que:

  • Um Limoeiro de casca fina que da limões o ano inteiro.
  • Uma Laranjeira da variedade baía, que vem cheia de flor, implicando que este inverno talvez(obrigado Bull 😉 ) já vamos ter as nossas próprias laranjas 🙂

Uma vez que são de tamanhos diferentes ficaram muito bem em formato de escada no nosso canteiro no quintal, começando na de Kumquat e subindo até ao Limoeiro que é a mais alta.

Ambas as 3 árvores estão no mesmo canteiro, e o local onde elas iam ficar tinha la uma sica que tinha que sair.

Na realidade podíamos ter tirado fotos do processo e tentar explicar tudo de como fizemos e não fizemos, mas como sempre decidimos pelo metodo mais simples, um video em Time Lapse… 🙂

Nota: o nosso quintal ao contrário de que possam pensar é bastante pequeno, só que nós tentamos rentabilizar ao máximo o pedaço de terra que temos, usando para isso técnicas de cultivo na cidade e árvores pequenas.

Como sempre, já sabem, sugestões e ideias, venham elas que são sempre bem vindas…

Cultivo dos Morangos – DIY

Quando decidimos ter um SFG estávamos a milhas de pensar que iríamos plantar morangos, até porque toda a gente dizia que eram ridiculamente difíceis de “vingar”. Mas assim foi, e felizmente eles estão com bom aspecto, e se não correr bem este ano, certamente voltaremos a tentar no próximo.

Como ja tínhamos os pés de morango para plantar impunha-se uma longa e extensa pesquisa no nosso bom e velho amigo Google.

Encontramos algumas referencias, quase todas em inglês, mas no meio delas la encontramos uma ou duas em Português que colocaremos no final deste post.

O intuito deste post é mais ou menos dar dicas que nos nao sabiamos, mas como tambem nao somos especialistas, teremos apenas que falar baseados no que lemos noutros lados. Então ca vai:

A primeira dica é que pelos vistos existem várias espécies de morangos, mas as mais comuns sao:

  • Os Remontantes (Day Neutral) – que produzem continuamente entre os meses Junho e Outubro, estes devem ser plantados na Primavera.
  • Os Nao Remontantes ( June Bearing) – que produzem apenas uma vez por ano entre Abril e Junho, e estes devem ser plantados no final do Verão.

Muito Importante: Quando forem comprar os pés de morango convem saberem que tipo são porque depois é impossivel, segundo lemos, distingui-los!!! No nosso caso como foram oferecidos não sabemos que tipo temos. E isto é importante porque se forem do tipo Nao Remontantes tem uma técnica para os frutos saírem mais suculentos e maiores, que é remover as primeiras flores que aparecerem.

Plantar:

  • Muito importante para se conseguir ter sucesso no cultivo de morangos é que os mesmo sejam plantados num sitio onde existam pelo menos 6 horas de sol directo todos os dias, o que não é o nosso caso, mas umas boas 4 eles apanham.
  • Os Morangos nunca devem ser plantados no mesmo sitio onde nos 3 anos anteriores tenha sido cultivado batatas, beringelas, pimentos ou tomates, devido as doenças.
  • O local onde se planta deverá ser limpo de ervas daninhas, no nosso caso mais uma vez nao ha este problema porque é a técnica SFG.
  • Deve-se escolher um dia que nao seja muito solarengo para plantar os morangos, para os mesmo nao entrarem em stress.
  • Os morangueiros devem ser colocado em agua cerca de 30 minutos antes e as raízes cortadas ao tamanho de 10 a 12 cms não ha necessidade de serem maiores.
  • Devem ser limpos de folhas secas e velhas.
  • No caso de SFG a quantidade a plantar é de 4 pes de morangueiro por quadrado, ou apenas um se tencionarmos deixar a planta ter “filhos” (os filhos são ramos que criam novas raízes)
  • Devem ser regados pelo menos uma vez por semana ou então sempre que a chuva seja inferior a 2.5cm em 7 dias.

Apanha:

  • Devem ser apanhados com cuidado porque é uma fruta bastante delicada.
  • Pega-se no pé acima do morango e puxa-se com um movimento ligeiramente torcido.
  • Colocam-se num recipiente sem encher demasiado para não se esmagarem uns aos outros.
  • Devem ser apanhados para “consumo imediato” e de preferencia sem ser ao sol.
  • No frigorifico duram cerca de 3 dias.

Dicas:

  • Convém colocar uma protecção de rede por causa dos pássaros que tal como nos adoram este fruto.
  • Na técnica de  SFG não da muito jeito colocar os tradicionais sacos plásticos a proteger os morangos de tocarem na terra, por isso o mais recomendado é colocar Palha entre a terra e os pés que aplica o sistema de “Mulch”, que não é nada mais nada menos do que manter a terra húmida, mas não deixando os morangos tocarem nela.
  • Nao ter ervas daninhas é crucial para o cultivo dos morangos.
  • Apesar de murcharem no Outono as raízes dos morangueiros, com os devidos cuidados sobrevivem aos meses mais frios para florescerem novamente no inicio da Primavera.

Este apanhado de ideias foi tirado basicamente dos seguintes sites:

  1. Como cultivar morangos | O Meu Jardim
  2. HowStuffWorks – Como cultivar frutas vermelhas
  3. Strawberries
  4. HOW TO GROW STRAWBERRIES (VIDEO)

De resto, epahh é sorte…vamos ver o que isto dá, mas como ja dissemos nao vamos desistir a primeira, até porque os morangos que se compram nas lojas, mesmo os orgânicos teem fertilizantes e conservantes e o camandro…

Os Morangos… em 2011/03/09

no dia 15/02/2011 a Faneca fez um post no seu blog sobre a plantação dos nossos morangos. Como se pode ver o aspecto que eles tinham não era grande coisa  mas mesmo assim lá os plantámos.

Mas agora reparem o bom aspecto dos morangos quase um mês depois e com este tempo manhoso que se tem sentido.

Yep, é verdade são os mesmos morangos! Nota-se que realmente estão desenvolvidos.

Se tudo correr bem, e segundo os “sábios” consegue-se colher morangos em 4 a 6 semanas após plantados, mas tal como mencionamos, com este tempo manhoso as coisas poderão não ser assim tão lineares, apesar de já se notar qualquer coisa que poderá ser um morango em alguns dos pés, temos que confirmar 🙂

Apesar disso notamos que algumas folhas teem umas pequenas manchas de queimado, que pensamos que sejam do frio, temos que ler mais ou pouco tambem, mas o que é certo é que os morangos crescem a olhos vistos pá.

Os morangos, tal como todas as sementes que temos plantando foram-nos oferecidas pela Semenclasse que é nada mais nada menos do que o nosso Sogro/Pai ou Pai/Sogro como preferirem… depois faremos um post sobre a loja do sogro/pai.

mal podemos esperar para comer, ou não, morangos da nossa própria horta. o proximo passo é cultivar os morangos com uma nova tecnica que andamos a estudar em vez de ser no SFG 😉 depois damos mais detalhes.

Chegaram as sementes…

Ora aí estão elas… Mais uma vez com o excelente patrocínio da
Semenclasse 🙂
E hoje assim que estiver uma aberta da chuva vamos planta-las.

Ainda temos que ler um bocadinho sobre algumas coisas que queremos plantar para ver como se faz usando o nosso SFG.
Por exemplo, ja sabemos que as alfaces planta se apenas uma por quadrado, bem como os tomates e a abóbora, mas como isto é em sementes abrimos um buraco e metemos la umas quantas sementes?

Enfim… Vamos ler um pouco e depois damos mais pormenores…

Vamos a plantar…

yep… estamos na lua crescente que ja vai com 2 dias de idade, ta a ficar grandita a moça por isso esta na altura de plantar, plantar, plantar… alem disso temos que aproveitar a chuva que esta a cair para regar a horta com agua da boa e gratis, por enquanto 😛

Como ja tinha mencionado noutro post, este mês é mês de plantar:

Semear abóbora, alface, beterraba, couves, baiça, ervilha, espinafre, feijão, melancia, melão, pepino, salsa, tomate, etc. Colher cebolas brancas e cebolinhos, rabanetes e azedas.

Nos la por casa, vamos investir em:

  1. Abobora
  2. Alface
  3. Tomate
  4. Salsa

Para ja ainda nao nos vamos lançar em frutas, mas num futuro 😉 em principio vamos fazer uma nova SFG com apenas 2×2 quadrados so para as ervas, tipo, Salsa, Coentros, e afiliadas…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...